sábado, 27 de fevereiro de 2010

Casa do Índio - Ilha do Governador - Rio de Janeiro - RJ

Casa do Índio ontem

Casa do Índio hoje

Casa do Índio - Ilha do Goverador - Rio de Janeiro -RJ

Segue abaixo parte da carta que a indigenista Eunice Cariry* escreveu para alguns amigos

"Todos achamos que temos amigos, principalmente quando a casa esta cheia, em dias de festa, e os convite para passeios se sucedem, os telefonemas não param e, agora, os orkuts, facebooks e outros contatos nos chamam sem parar. Mas, em geral, quando a situação fica difícil, metade desses amigos some misteriosamente. Se a situação ficar mais crítica ainda, aí é que os amigos desaparecem. Quantas pessoas e
famílias se veêm sozinhas diante de problemas graves e longos?
No meu caso, como tudo na minha vida, é o oposto. Nos tempos tranquilos, quase ninguém me porcura, porém, quando a corda aperta no nosso pescoço, incrivelmente a maioria nos socorre sob todos os aspectos, seja material , física ou espiritualmente. Por isto, nada é mais gratificante do que ter a certeza de que não estamos sozinhos.
Estamos sempre com amigos verdadeiros...
... Não estou preocupada com minha exoneração por causa própria, pois sou bem aposentada e vou completar 75 anos de idade no próximo mês. O que me impele a lutar, e a buscar o apoio de todos vocês, é pela manutenção e continuidade da obra que começamos há 41 anos!!!!
Temo pelos índios idosos, os crônicos, os neurológicos, as crianças, as sãs e as sadias. Do meu bolso pago, há anos, escola, cursos e outras necessidades para o "meu" povo aqui sob minha proteção, com a ajuda da comunidade da Ilha do Governador e dos meus amigos.
Allias, recebi da FUNAI em 1975, a MEDALHA DO MERITO INDIGENISTA na categoria EDUCAÇÃO, indicada pelo Conselho Indigenista da FUNAI . Acho que é o caso de devolve-la ao atual Presidente. A Funai não pode desprezar nosso trabalho de quase meio século ininterrupto e até modelar, conforme palavras de antigos presidentes da própria Funai. O índio brasileiro não é algo que se possa mudar de lugar ao sabor das vontades dos brancos.
O Presidente da FUNAI não pode nos trair a esta altura da vida. O que com os índios construímos, a eles pertence!
Amigos, a luta é duríssima, a angústia é profunda e o temor é grande. Contudo, é como disse outra antiga amiga minha: "Se é pra lutar, então vamos lutar todos juntos!
Abraços da Cariry."

* Eunice Cariry foi a fundadora da Casa do Índio, há 41 anos, e a construiu, com trabalho intelectual e braçal, ao lado de muitos moradores da Ilha. Há 41 anos, como diretora dessa instituição, exerce um trabalho meritório, lutando contra todas as dificuldades – inclusive as parcas e raríssimas verbas repassadas pela FUNAI -, principalmente depois que foi delegada à FUNASA erradamente, a responsabilidade pela saúde dos indígenas.
É certo que Cariry tem sido uma pedra no sapato de todas as instituições e pessoas que pretendem se beneficiar do problema dos índios, ao invés de ajudá-los.
Eunice Cariry foi exonerada pela FUNAI.

7 comentários:

  1. Olá, gostaria de saber como posso entrar em contato com a Casa do Índio na Ilha do Governador?
    Agradeço a atenção,
    Lilian Calmon

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Olá Teresinha,

    Gostaria de saber que tipos de doações a Casa do Indio recebe, se em alimentos, especie...
    Obrigado!

    Cristina

    ResponderExcluir
  4. Cristina, alimentos com certeza eles recebem mas você pode entrar em contato direto pelo telefone n. 24678006 e falar com Anita ou a própria Cariry.
    Obrigada,
    Teresinha

    ResponderExcluir
  5. teresinha muito obrigada por vc esta ajudando a casa do índio e a cariry,eu sou uma india que já morou na casa do índio a cariry sabe que sou eu, por isso que eu estou lher agradescendo muito a ajuda que vc esta lhes dando.Que Deus te abençõe te ilumine muito.

    izalia

    ResponderExcluir
  6. Boa Noite! Sou professora do Colégio Estadual Bahia situado em Bonsucesso - Av. Brasil e estarei desenvolvendo uma Feira Cultural com os alunos do Ensino Médio. O tema do trabalho é sobre os índios e gostaria de conhecer um pouquinho sobre a vida dos índios que residem na Ilha do Governador, sobre essa casa e se possível contribuir de alguma forma com mantimentos, já que todos os anos, minha turma de trabalho arrecada alimentos e doamos a uma casa de caridade. Gostaria que esse ano fosse a Casa do Índio. Será possível uma visita a casa?
    Aguardo uma resposta.
    Obrigada e fiquem com Deus!
    Dione Brito - dioufrj@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dione, passei seu contato para a Cariry. Mas caso queira entre em contato através do número 24678006 e fale diretamente com a Cariry ou Anita.

      Excluir